Sítio e Pousada Pedras Rollantes: charme, beleza e respeito à natureza …

Um nome curioso, um lugar especial , que oferece inúmeras possibilidades de
experimentar emoções difíceis de descrever,
mas que podemos imaginar,
conhecendo um pouco dessa história construída com
respeito à natureza e compromisso com o nosso bem-estar.

pedra1site

Para começar, vamos nos localizar: o Sítio e Pousada Pedras Rollantes fica em Alfredo Wagner.
Um município predominantemente agrícola,
localizado  aproximadamente a 100 km. de Florianópolis.
Em seu território , nascem 4 rios e por isso é conhecido como a Capital das Nascentes.
É uma região de muitas belezas, entre elas, o Vale dos Rios das Águas Frias,
onde encontramos o Sítio e Pousada Pedras Rollantes.

Essa história começa, quando Tarcísio e seu sócio Eduardo, se encantam  com o sítio,
que acabou dando nome à Pousada.
Não é difícil entender porque!

4pedra site
São 23 hectares, localizado num vale, com 13 nascentes, mata nativa preservada, trilhas incríveis …

650

… cortado pelas águas suaves do Rio das Águas Frias com suas pedras rolantes …

5pedra

… e com uma trilha sonora gentilmente compartilhada por ilustres moradores.

6pedras

Com uma grande área de mata nativa e um terreno acidentado,
a terra disponível para produção era pequena.
Mas, mesmo assim, decidiram aproveitar o pequeno espaço que tinham.
Optaram pela produção de citros de mesa,
que têm entre as suas principais estrelas, as clemenules.
Mais doce e sem sementes, as tangerinas clemenules,
são conhecidas na Espanha, seu país de origem, como “La Reina de las Mandarinas”.

8pedra

tangerinas site2

Hoje, os visitantes do sítio e hóspedes da Pousada, podem se esbaldar em um pomar,
que além das tangerinas e outros citrus,
tem árvores de frutas variadas.
Dependendo de cada época do ano, podem ser colhidas e saboreadas na hora.

9pedra

E ainda podemos nos deliciar com os alimentos fresquinhos
que vem das lavouras de verduras, hortaliças, tubérculos e temperos.
E melhor ainda, podemos acompanhar a colheita das verduras e legumes da horta e até participar!

 Toda a produção agrícola do Sítio possui certificação orgânica da Rede Eco Vida de Agroecologia.

beterraba site

Para cuidar da produção de citrus, relaxar e receber os amigos, o casal Tarcísio e Lu
começou a frequentar o sítio mais assiduamente e cada vez ficavam mais tempo.
Os dois, foram adaptando suas atividades profissionais à rotina do sítio e não resistiram!
Em 2013, mudaram-se definitivamente para o vale.

Como o encantamento e a sensação de bem-estar, era comum a todos que visitavam o sítio,
em 2015, decidiram abrir as suas portas e oferecer, nos finais de semana, o “Café no Sítio”.

cafe pedra site

É um momento especial e uma explosão de sabores dos queijos, geleias, pães variados, bolos …
Tudo produzido no sítio ou em produtores da região. É pra ficar com água na boca mesmo!

queijomorangosite
E ainda tem o cafezinho feito na hora no coador de pano!!!!!

coadorsite

Os sabores, o encantamento com os detalhes, a beleza do vale,
foram atraindo cada vez mais pessoas. E aí ...

“As pessoas vinham e não queriam ir embora.
E
ntão começamos a pensar na possibilidade de construir uma Pousada.
Ela tinha que ter o nosso tamanho, para que pudéssemos atender bem.
Cuidamos de tudo pessoalmente” - 
fala Tarcísio.

No final de 2016, três casas já estavam prontas e foram batizadas com nomes curiosos:
Casinha, Casa da Cama e a Casa Torta.
Todas projetadas para produzir o menor impacto ambiental e visual possíveis,
se integrarem ao cenário incrível  do sítio Pedras Rolantes e construídas de forma sustentável.
Projeto mais que bem sucedido!!!!!!

casinhasite1

Cada casa tem suas particularidades, em comum, além do conforto,
a riqueza dos detalhes não deixa nenhuma dúvida,
que cada cantinho foi pensado para tornar os nossos dias especiais.

A primeira a ficar pronta foi a Casinha, que apesar do nome, é a maior casa da pousada.
Tem dois andares e pode acomodar até quatro adultos e duas crianças.
No primeiro andar, um espaço de convivência, onde ficam integrados a cozinha, a copa e a sala.
Nesse andar também estão, o lavabo, a casa de banho e o sanitário separados,
para que possam ser usados simultaneamente.

casinha 2site

No segundo andar fica o quarto, um pequeno escritório (com internet) e uma varanda
onde podemos curtir o lindo visual do vale do Rio das Águas Frias.

Acordar com um visual desses não é nada mal!

casinhacama site

As varandas e as amplas janelas, garantem a companhia da natureza em todos os momentos,
seja na hora de relaxar,  ler um livro,  conversar …
Até na cozinha!

Falando de cozinha, elas são muito bem equipadas, em todas as casas.
A paixão pelos sabores, pelo preparo da comida, acabou se transformando em  uma boa ideia.
Todos os hóspedes recebem uma cesta de alimentos com mais de 30 itens – massas, pães, geleias, entre outros  -
e tem assim a oportunidade de criar, fazer  experiências na cozinha, nesse cenário tão inspirador.

cozinhacasinhasite
A Casa da Cama, acomoda com conforto dois adultos e mais uma criança ou jovem.
Como na  Casinha,  a sala, copa e cozinha também são integrados.

casa da cama1site

Mas porque Casa da Cama?
O nome “Casa da Cama” surgiu há muito tempo,
quando ainda nem imaginávamos que um dia Pedras Rollantes também teria uma Pousada.
O local onde ela foi colocada é tão especial que sonhávamos em fazer ali uma redoma de vidro
com apenas uma cama para passarmos algumas noites sob as estrelas e ao som do rio.
Quando decidimos fazer a Pousada, uma cama já sabíamos onde estaria.
Depois foi só fazer uma casa atrás dela.”

camacasacamasite

Casa Torta, ganhou esse nome por um motivo nobre.
Foi projetada para para não incomodar a araucária que tinham plantado há alguns anos.

casatorta1site

É a única com um único ambiente, mas tão charmosa e confortável quanto as outras casas.

casatorta 2 site

E para ficarmos ainda mais relaxados…
Não temos aquela tensão, quando vamos passar um final de semana em uma Pousada
e ficamos olhando o relógio no domingo, com medo de ultrapassar o horário de saída.
Na Pousada Pedras Rollantes não tem hora para sair.

Para facilitar , crianças até 12 anos não pagam.

E como Tarcísio e Lu, não gostariam de deixar o seu simpático casal de border collies em casa,
os nossos animaizinhos também são bem vindos.

dogsite1

 Pouco tempo depois, vieram os dois Estúdios,
localizados na outra margem do Rio das Águas Frias,
em uma casa construída no século 19 e uma história impressionante…
Transferir uma casa inteira para o sítio!!!!!!

eichamel aite1

Pois é, esse é um projeto do Eduardo, sócio do sítio, que encontrou essa casa em ruínas,
na periferia de Nova Petrópolis, na serra gaúcha.
É uma edificação de estilo enxaimel,
com armações de madeira encaixadas entre si e preenchidas com tijolos maciços.

Ele decidiu comprar a casa.
Em 2009, foi desmontada, madeira por madeira, tijolo por tijolo e transferida para o sítio.
Montada e restaurada,  ganhou vida no sítio e pousada Pedras Rollantes.

enchaimel3site

 Inicialmente, era frequentada apenas pela família e amigos,
mas hoje, abriga também os dois Estúdios – o nascente e o poente -
abertos aos hóspedes, oferecendo também – privacidade, charme e a rotina do sítio -

Entrada de um dos estúdios

enchamel forasite

Interior do Estúdio Nascente

nascente

 Sustentabilidade ____________________________________________________

“Isso é natural , faz parte da minha vida.
Anos atrás, quando pouca gente falava em sustentabilidade,
fizemos, na minha editora, compensação de carbono
através do plantio certificado de árvores nativas em regiões degredadas do Sul do País.
Foi a primeira empresa do gênero no Brasil a fazer isso”.
-  fala Tarcísio,
proprietário do sítio e pousada Pedras Rollantes. _______________________________________________________

O melhor de tudo é que isso não é discurso.
Conhecendo um pouco a sua trajetória,
dá para perceber que a sua conexão com a natureza é real.
Antes de ser um homem da terra, foi um homem do mar,
participando inclusive de competições de vela oceânica.
Não abandonou o mar, mas o chamado da terra foi forte!!!!!

Quando observamos especificamente as práticas adotadas no Sítio e Pousada,
comprovamos que o discurso é totalmente compatível com a atitude,
que pode ser vista desde o seu envolvimento com a comunidade de Alfredo Wagner,
nas suas escolhas e até nas suas fotos que captam a simplicidade e os detalhes da natureza.

__________________________________A Construção _______________________________________

Quando falo de escolhas, é porque o processo de construção das Casas da Pousada é uma saga.
Poderiam ter comprado madeira certificada, o que seria legal também, mas foram resgatar materiais
que poderiam ter sido queimados ou destruídos por qualquer motivo. Não estou exagerando!

A  madeira utilizada em mais de 90% das paredes , pisos, alicerces, vigas e caibros, das três casas, tem mais de 80 anos.
Foram utilizadas na construção da Igreja, em Alfredo Wagner, na década de 30.
Na década de 80,  a construção foi substituída por outra de alvenaria.
Essa mesma madeira foi reaproveitada no salão da igreja de São João, na comunidade de Barro Branco.
Como esse salão também estava sendo substituído por outra construção mais nova,
agora ganhou nova vida nas casas da Pousada Pedras Rollantes.
A madeira que faltava foi encontrada na casa
utilizada como alojamento dos funcionários da  construtora Camargo Correia,
que estava sendo desmanchada, na década de 80.

madeira site

As madeiras não utilizadas na construção foram reutilizadas nos móveis,
desenhados e manufaturados na pequena marcenaria, no próprio sítio.

moveis site

Os vidros e os tijolos
Os vidros vieram de lojas que foram reformadas em Florianópolis.
O aproveitamento das sobras de dezenas de vidros temperados, com diversos tamanhos e formatos,
acabaram definindo o desenho assimétrico de praticamente todas as paredes das casas.
Os tijolos maciços, grandes e pesados, foram queimados na década de 1950, na olaria do
Sr. Balcino Wagner e estavam na casa do Sr. Genésio Silva até à metade de 2016,
quando foi desmanchada para dar lugar a um pequeno edifício.

Novos, só os pregos, os forros e algumas vigas.
As telhas são de uma empresa brasileira,
que produz uma telha de rejeito betuminoso de asfalto e fibras vegetais.
A tecnologia é francesa e reduz o som e a temperatura.

tijolos site

__________________________________Tratamento de Água e Esgoto _____________________________

 A água que abastece as Casas da Pousada vem de uma fonte protegida e dotada de um caxambu -
espécie de tubo de concreto enterrado onde brota a água -
Depois é levada diretamente para as caixas.
Ela é constantemente analisada e os resultados sempre indicam 100% de potabilidade.

O esgoto de todas as Casas passa por uma estação de tratamento à base de raízes e carvão ativado antes de ser liberado
em canais de irrigação com altíssimo grau de pureza.
O sistema implantado por Ralf Wagner é capaz de processar quase 3 mil litros de água constantemente,
antes de devolve-la à natureza livre de contaminantes.  Também não é uma peça nova.
É  proveniente da sede oceânica do Iate Clube de Santa Catarina, em Jurerê, na capital, que foi desativada por imposição da Casan,
que obrigou o clube a ligar seus esgotos à rede que implantou na região.

________________________________  Redução do consumo de Energia  _____________________________
Todas as casas contam água quente nas torneiras e chuveiros provenientes de um moderno sistema
de aquecimento solar com tubos a vácuo,
que além de potencializar o calor, também não congelam nas noites mais frias do inverno.
” Em dois anos, seremos auto-suficientes em relação à energia” .

____________________   Reaproveitamento, redução e destinação correta de resíduos     ________________________
Os resíduos orgânicos vão para a compostagem e os sólidos são encaminhados para coleta de  Companhia  de Lixo local.

___________________________________   Relação com a Região __________________________________

” Todos me receberam muito bem. Fui, inclusive, diretor do Conselho de Turismo de Alfredo Wagner. Hoje ainda continuo no Conselho, mas não como diretor. O importante é entender o que o turismo pode trazer de bom para o município, sem descaracterizá-lo. Vou te dar um exemplo: o comércio aqui fecha ao meio-dia para o almoço. As pessoas vão para casa, descansam e voltam. Queriam acabar com isso. Não é bom abrir mão dos seus hábitos, das suas caraterísticas, da sua história … Eles veem o desenvolvimento de outros polos de turismo, mas com o tempo,  isso tem um preço. O objetivo é estimular o interesse de visita sob nova perspectiva, com uma visão sustentável.  Tem sido assim.

A região é muito bonita.Tem inúmeras propriedades rurais, que podem ser visitadas, com produções orgânicas, vinícolas com degustação, um museu de arqueologia muito interessante, inúmeras cachoeiras, o  Canion do Arroio Leão - conta Tarcício

Canion do Arroio do Leão, tem aproximadamente 300 metros de comprimento,
formado pelo Arrio do Leão, que corre entre paredes de rocha que atingem até 60 metros de altura.

canion site

Dão prioridade aos produtores da região, muitos deles de Alfredo Wagner .
________________________________________________

Com tudo isso, não fica nenhuma dúvida que vale muito a pena se organizar para passar uns dias no Vale das Águas Frias.
Vale uma visita ao site da pousada, que tem fotos maravilhosas e muita informação interessante.

Os contatos, só clicar aqui … 

E para fechar, fiquei procurando uma boa foto, que tivesse um grande impacto,
mas fui completamente seduzida pela simplicidade! Desejo a todos uma boa viagem!

galinhasite
Iolanda Moura Estevão
Vamos Mudar esse Clima?